Google Lens: a nova ferramenta Google que irá transformar sua câmera em um campo de pesquisa

Google Lens é a nova forma de pesquisa do Google. Anunciado na Google I/O, a conferência anual desenvolvedores, a empresa mostrou como o Google Lens funciona.

É uma nova inteligência artificial que permite a câmera ler e interpretar o que estiver vendo. Com o Google Lens, quando uma pessoa aponta a câmera para um objeto ou estabelecimento, surgem opções na tela. Se ela for apontada para um código de barras com credenciais de uma conexão Wi-Fi, a tecnologia conecta o aparelho automaticamente à rede. Por exemplo, se o item for uma flor, a ideia é que o Google Lens forneça informações sobre a espécie da planta ou procure se há floriculturas por perto.

Google Lens: a nova ferramenta Google que irá transformar sua câmera em um campo de pesquisa google-lens-anuncio-1

O novo recurso é compatível com realidade aumentada. Ao mirar a câmera para um estabelecimento comercial na rua, as avaliações do local no Google, seus horários de funcionamento e comentários de usuários surgem na tela do smartphone. A integração do Lens com o Assistant também será uma boa ferramenta para traduções. Na apresentação, a câmera do celular foi colocada em frente a uma placa com informações escritas em japonês. Ao apertar no ícone do Lens e perguntar “o que isso quer dizer?”, o Assistant traduziu o texto.

Também foram mostrados os algoritmos do Google possuem tecnologia para melhorar automaticamente a qualidade das fotos.

Google Lens: a nova ferramenta Google que irá transformar sua câmera em um campo de pesquisa google-lens-anuncio-1

Alguns exemplos foram:

  • Se você fizer uma foto de um jogo de baseball através de uma grade, o Google pode automaticamente remover a grade da foto e deixar a imagem mais limpa para facilitar a pesquisa;
  • Se você fotografar com baixas condições de luz, o Google pode automaticamente realçar os detalhes da foto pra que ela fique com uma melhor qualidade.

E aí, o que acharam da novidade Google? Demais não é mesmo?

Dória vs Amazon – Entenda a história

Na última segunda (27), a Amazon lançou uma nova campanha para divulgação do leitor digital Kindle. O comercial mostra trechos de livros projetados nos muros da cidade, cujos grafites foram apagados pela ação Cidade Linda, criada por João Dória, o atual prefeito de São Paulo.

“Cobriram a cidade de cinza?” “A gente cobriu a cinza de histórias” São alguns dos trechos retirados dos vídeo da empresa.

Em seguida, João Dória respondeu ao comercial e  pediu para que a empresa americana doasse livros e computadores para a cidade. Com isso a campanha #AmamosSp surgiu para pressionar a empresa a doar e se posicionar diante da resposta de Dória.

Assista a resposta de Dória:

 

A tréplica da Amazon veio com um novo vídeo onde a empresa anunciou nesta última quarta (29)  que está oferecendo download gratuito de um livro digital a qualquer brasileiro com acesso à internet. é possível ler o e-book escolhido no computador, tablet ou smartphone.

Para efetuar o download, basta acessar a página especial da Amazon, fazer login e pegar o livro digital. São 36 livros disponíveis para escolha do leitor.

Assista a tréplica da Amazon:

 

A campanha foi muito crítica por alguns, comentários como “Foi o maior tiro no pé da publicidade nacional nos últimos anos.”  e “Pior comercial do ano, apoiou a pichação que é ilegal” foram algumas das críticas a empresa. Já outros apoiaram a ação da empresa e a atitude de liberar os E-books. Enquanto isso, nós continuamos na espera da Amazon cumprir com a promessa: “Vamos doar centenas de dispositivos Kindle para instituições que promovem cultura e educação (fiquem ligados)”. E aí, de qual lado você está? No final, o grande vencedor é o leitor!